Z Marmita

(Brazinha e Lus Antonio)

Quatro horas da manh
Sai de casa o Z Marmita
Pendurado na porta do trem
Z Marmita vai e vem

Numa lata, Z Marmita
Traz a bia
Que ainda sobrou do jantar
Meio-dia Z Marmita
Faz o fogo para comida esquentar

E o Z Marmita
Barriga cheia
Esquece a vida
Numa bate-bola de meia