Aqui e agora

(Gilberto Gil)

O melhor lugar do mundo aqui e agora
O melhor lugar do mundo aqui e agora
Aqui, onde indefinido, agora, que quase quando
Quando ser leve ou pesado deixa de fazer sentido
Aqui, onde o olho mira, agora, que o ouvido escuta
O tempo, que a voz no fala mas que o corao tributa
O melhor lugar do mundo aqui e agora
O melhor lugar do mundo aqui e agora
Aqui, onde a cor clara, agora, que tudo escuro
Viver em Guadalajara dentro de um figo maduro
Aqui, longe, em Nova Deli, agora, sete, oito ou nove
Sentir questo de pele, amor tudo que move
O melhor lugar do mundo aqui e agora
O melhor lugar do mundo aqui e agora
Aqui perto passa um rio, agora eu vi um lagarto
Morrer deve ser to frio quanto na hora do parto
Aqui, fora de perigo, agora, dentro de instantes
Depois de tudo que eu digo muito embora muito antes
O melhor lugar do mundo aqui e agora
O melhor lugar do mundo aqui e agora