Orvalhada

(Antonio Pereira)

Teus olho verde assim
Qual fruta, qual capim
Do campo em orvalhada
Do campo verde assim
O meu cantar tem cor
De mato verde assim
Igual teus olho verde
Igual teus olho assim

Que seja pra sempre teus olho
Verde, como o campo assim