Ms de maio

(Almir Sater e Paulo Simes)

Clique para ouvir em RealAudio

Azul do cu brilhou
O ms de maio enfim chegou
Olhos vo se abrir pra tanta cor
ms de maio
A vida tem seu esplendor

Raio de sol entrou
Pela janela, me convidou
Pra tarde to bela e sem calor
ms de maio
Saio e vou ver o sol se por

Horizontes de aquarela
Que ningum jamais pintou
E o enxame de estrelas
Diz que o dia terminou

Noite nem se formou
E a lua cheia j clareou
Sombras podem ir, faam o favor
ms de maio
tempo de ser sonhador

Quem no se enamorou
No ms de maio, bem que tentou
E quem no tiver algum amor
Dos solitrios
O ms de maio protetor

Boa terra, velha esfera
Que nos leva aonde for
No futuro quem me dera
Que te dessem mais valor.